Como sabemos, uma das minhas maiores e gratas surpresas do ano passado no departamento das séries foi Stranger Things. Assim como a maioria das pessoas, não fazia ideia do que era a série - e muito menos que ela seria lançada - até poucos dias antes da estreia, quando fui completamente possuída pela vontade de assistir. Odeio criar expectativas, elas (quase) sempre estragam as coisas, mas com Stranger Things o hype foi completamente justificado e o amor, instantâneo. Assim, desesperada para começar um segundo rewatch antes da estreia da nova temporada, em outubro, decidi que falaria sobre o assunto por aqui. E é óbvio que, pelo andar da carroça do BEDA, com posts saindo com dias de atraso, irei apelar para a ajuda da Internet e me utilizarei deste challenge aqui para registrar as ~minhas impressões~ da primeira temporada. 
Sobre opinião sobre assistir Stranger Things
Não sei se entendi muito bem o que preciso dizer aqui (risos) e acho que tem a ver com aquele chororô que aconteceu por conta do hype na época da estreia? Se sim, olha, morro de preguiça dessas coisas. Se um negócio faz sucesso, deve ser porque muita gente gostou; e penso que se alguém tem interesse em algo, deve assistir, f***-se o que As Pessoas estão dizendo. No meu caso, não demorei muito para assistir e, desde o início, fiquei completamente fascinada; então, nem liguei muito para o que os ~diferentões~ disseram. É verdade sim que muito do sucesso da série se baseia na nostalgia e na capacidade dos Duffer Brothers de utilizar isso para vender uma ideia. E é verdade sim que a série é quase uma colcha de retalhos de todos os melhores clichês de filmes da Sessão da Tarde dos anos 80. E é mais verdade ainda que ninguém dá a mínima para isso porque o que a gente quer mesmo é se divertir com uma boa história e personagens cativantes. E Stranger Things traz isso. Particularmente, a experiência de assistir a série foi de muito conforto porque eu adoro as referências, que, em sua maioria, fizeram parte da minha infância e eu sou muito vendida para essas coisas. Gente, a sensação é a de estar assistindo filmes do Steven Spielberg! Afff eu nasci para amar Stranger Things!



Descreva cada personagem em uma palavra
Tô nervosa, pois impossível (risos tensos). Mas vou tentar.
Joyce Byers: determinada
Jim Hopper: nervosão
Will Byers: perdido
Mike Wheeler: líder
Eleven: amiga
Dustin Henderson: adorável
Lucas Sinclair: contraponto 
Nancy Wheeler: destemida
Jonathan Byers: desajustado
Steve Harrington: idiota
Martin Brenner: mal
Karen Wheeler: protetora
Pai do Mike e da Nancy: inútil
Barb: coitada

Citação preferida (pode ser mais de uma)
Mornings are for coffee and contemplation. (HOPPER, Sheriff)
She's our friend and she's crazy!!! (HENDERSON, Dustin)
You shouldn't like things because people tell you're supposed to. (BYERS, Jonathan) ♥
If everyone asks where I am, I've left the country. (WHEELER, Mike)
Friends don't lie. (ELEVEN)

Cena preferida (pode ser mais de uma)
Aff, são tantas! Gosto da primeira cena da série, com os meninos jogando RPG. Também adoro a cena quando o Jonathan e o Will estão escutando Shoud I Stay or Should I Go. Fiquei bem abalada emocionalmente com a sequência em que tiram o ~corpo~ do Will do lago, que termina com a Joyce e o Jonathan se abraçando ao som de Heroes. A cena da Eleven salvando o Mike dos bullies. A cena da Eleven invadindo um mercado e saindo de lá cheia de pacotes de eggos, super na bad. Tenho certeza de que tenho alguma cena preferida com a Nancy, mas não lembro de nenhuma agora. (Me desculpem, prometo melhorar, não desistam de mim).
euzinha na vida

Cena menos preferida
Qualquer uma que envolva o Steve sendo imbecil, mas as que mais me incomodaram foram a que ele quebra a câmera do Jonathan (não lembro se foi ele ou o amigo estúpido dele) e, claro, o caso do slutshaming. Aquilo foi horrível demais. 

Momento mais surpreendente
Quando a gente descobre que o corpo do Will é, na verdade, um boneco cheio de espuma dentro. Também fiquei bem empolgada e surpresa quando a Joyce conseguiu falar com o Will de verdade, sem ser com as luzes de natal. E, sim, o Will no final, cuspindo aquela minhoca-gosma.

Qual foi a sua reação ao perceber que, ao fim da temporada, a Nancy estava com o Steve?
Foi uma reação de choque porque eu realmente pensei que ela fosse terminar sozinha-meio-que-afim-de-outro. Gostei que o Steve começou a mudar e, de forma geral, parece estar se tornando uma pessoa melhor, mas ainda assim, acho que eles poderiam demorar um pouco mais para voltar a namorar? E, francamente, acho que a Nancy deveria ~explorar outras possibilidades~, sabem? (risos)
Você acha que a Eleven ainda está viva?
Claro que acho. Ela tá vivíssima!

O que você acha que está acontecendo com Will Byers?
Sinceramente, não pensei muito sobre isso. Mas tá na cara que algo de muito ~sinistro~ está acontecendo com ele. É como se agora ele estivesse para sempre ligado/preso ao Mundo Invertido. É como se o menino que voltou não fosse 100% apenas Will. Ele cuspiu um negócio que não é desse mundo!
O que mais você acha que está à espreita no Mundo Invertido?
Um monte de monstros piores que o Demogorgon.

O que você acha que vai acontecer na segunda temporada?
Além do óbvio retorno da Eleven e de alguma ~piração~ do Will, acho que vai ter Joyce determinada a ajudar o filho, algum tipo de triângulo amoroso envolvendo a Nancy, a criançada toda andando de bicicleta para cima e para baixo. Torço muito para um divórcio do casal Wheeler também. E, sei lá, queria algo de feliz para o Xerife Hopper, ele merece. Eu realmente não fico pensando muito no que pode acontecer na próxima temporada, acho que começaria a criar expectativas e, como disse, odeio quando isso acontece.

(Pulei a última pergunta porque não estou no ~mood~ de tirar foto fazendo cara de Eleven encarando mouth-breathers)


6 Comentários

  1. STRANGER THIIIIINGS! Olha, eu fiquei surpresa como comprei o hype dessa série, já que normalmente não faço isso - e ela é maravilhosa. Eu to rindo muito das suas descrições dos personagens, hahahaha. NANCY E JONATHAN É O ÚNICO SHIP POSSÍVEL e a Barb, meu deus. Eu me apeguei naquela menina, sabe? Aquilo não devia ter acontecido aaaaaaaaa.
    As crianças são o maior amor do universo, e acho que minha frase preferida é SHE'S OUR FRIEND AND SHE'S CRAZY!! Eleven <3 <3 <3 <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu nem tive tempo de analisar o hype. Entrei na Netflix um dia antes da estreia, vi o trailer e decidi assistir. Quando descobri o hype, já tava apaixonada pela série HAAHHAHA

      NANCY E JONATHAN ÚNICO SHIP POSSÍVEL [2]
      Eu não acredito que ela ficou com o Steve!!!!!!1111
      Fiquei triste pela Barb. Ela não era a melhor personagem, mas não merecia aquele destino, poxa.

      E sim, as crianças são as melhores coisas da série toda! Amo demais, queria ser prima/irmã de todos eles! DUSTIN É O MEU PREFERIDO!!!!!

      Excluir
  2. Cara, confesso que quando saiu Stranger Things fiquei total sem vontade de assistir por tanto que falavam sobre. Mas seu post me despertou uma vontade, rs. Talvez pela pegada anos 80, mas pareceu muito mais interessante da sua perspectiva. Acho que vou dar uma chance ;) Bjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É que o hype estraga muita coisa, né? Assim, tem gente que exagera. A série não é perfeita, não é a maior maravilha do mundo, mas é gostosinha de assistir. Se você foi criança que viu muito filme dos anos 80 na Sessão da Tarde, provavelmente vai gostar. É tudo muito nostálgico <3
      Espero que goste, caso resolva assistir :)

      Excluir
  3. sdds de stranger things! não teria outra palavra para definir o dustin além de 'adorável', acho que é o meu preferido da série. tá, o segundo preferido, porque a eleven é maravilhosa demais. e 'she's our friend and she's crazy' é a MELHOR FRASE HAHAHA

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também tô com muitas saudades de Stranger Things! Ainda bem que falta pouco para a próxima temporada! Acho até que dá tempo de rever a primeira para lembrar dos detalhes :)

      Olha, eu não sei quem é o meu preferido de todos na série, mas acho que Eleven, Dustin e Jonathan ocupam lugares de destaque, haha. Gente, o Dustin é tão fofo, queria ter ele como irmão ahahhaha <3

      Excluir