Lendo Agatha Christie: reapresentando o projeto e próximas leituras

No ano passado, decidi colocar em prática algo que já queria fazer há muito tempo: começar um projeto pessoal de leitura de todas as obras de Agatha Christie, uma das minhas autoras preferidas. E para deixar a coisa mais ~séria~ gravei vídeo, expliquei como o projeto funcionaria, meio que me comprometi e...meh. Em minha defesa, quando o assunto é leitura, nunca funcionei na base da pressão e dos prazos. Assim, venho aqui assumir que flopei sim, flopei bonito and I regret nothing. Contudo, ainda que a vida siga, nem sempre perdemos a vontade de fazer algumas coisas e, por isso, abraçamos a causa dos recomeços. E é justamente o que venho fazer neste post hoje. Senhoras e senhores, está dada a largada do Lendo Agatha Christie 2.0.


De forma geral, pouca coisa mudou em relação ao objetivo original, pois sigo com vontade de ler todas as obras da Agatha. Porém, optei por fazer algumas adaptações com o intuito de deixar as leituras mais interessantes para mim. Eventualmente, farei um post sobre as diferentes formas de começar a ler Agatha Christie (qual livro, qual personagem, qual ordem, etc.), mas hoje irei me ater ao que planejo ler primeiro. Percebi que encarar um desafio com mais de 80 livros publicados é algo que me intimida - mesmo quando falo de uma autora de quem gosto muito -, portanto canalizei meu Jack Estripador interior e - sim, alerta de trocadilho infame - irei por partes (ba-dum-dum-tss).


Nesta primeira etapa, decidi ter Hercule Poirot como fio condutor. Então, irei ler as obras com o famoso detetive belga em ordem cronológica. Acontece que ao chegar em Cartas na Mesa (1936) irei me deparar com um crossover de personagens recorrentes nos livros e, por isso, precisarei me atualizar acerca de seus paradeiros até aquele ponto da história. Assim, irei ler os livros com o  Coronel Race (que conheci só de passagem), o Superintendente Battle (que nunca conheci) e Ariadne Oliver (que lembro vagamente de ter conhecido há muitos anos). Depois de listar todos os livros  em que esses personagens aparecem até Cartas na Mesa, que será o desfecho da primeira etapa, organizei tudo de forma cronológica e é essa a ordem que pretendo seguir. Por enquanto, não lerei os livros com Tommy & Tuppence, Miss Marple, aqueles sem algum dos detetives famosos e também os que foram publicados sob o pseudônimo Mary Westmacott. Como essas obras não estão vinculadas à cronologia de Poirot, prefiro lê-las depois. Claro, respeitando a ordem em que elas foram publicadas.

Próximas leituras: 1ª etapa


O Misterioso Caso de Styles (1920) Hercule Poirot * 
Assassinato no Campo de Golfe (1923) - Hercule Poirot *
Poirot Investiga (1924) - Hercule Poirot
O Homem do Terno Marrom (1924) - Coronel Race *
O Segredo de Chimneys (1925) - Superintendente Battle
O Assassinato de Roger Ackroyd (1926) - Hercule Poirot
Os Quatro Grandes (1927) - Hercule Poirot
O Mistério do Trem Azul (1928) - Hercule Poirot *
O Mistério dos Sete Relógios (1929) - Superintendente Battle
A Casa do Penhasco (1932) - Hercule Poirot
Treze à Mesa (1933) - Hercule Poirot
Assassinato no Expresso do Oriente (1934) - Hercule Poirot *
O Detetive Parker Pyne (1934) - Ariadne Oliver
Tragédia em Três Atos (1934) - Hercule Poirot
Morte nas Nuvens (1935) - Hercule Poirot
Os Crimes ABC (1936) - Hercule Poirot
Morte na Mesopotâmia (1936) - Hercule Poirot
Cartas na Mesa (1936) - Hercule Poirot, Superintendente Battle, Coronel Race e Ariadne Oliver

* releituras
Os livros em negrito são aqueles que já tenho na estante.

***

Conforme as leituras forem ocorrendo, irei atualizar o post com os links para as resenhas aqui no blog (no canal as coisas serão diferentes; talvez um vídeo a cada 2 ou 3 leituras realizadas). Não prometo datas específicas, mas meu plano é retomar o projeto em março (com a releitura de Assassinato no Campo de Golfe) e, se possível, realizar uma leitura por mês. No momento em que escrevo o post, esta me parece uma estratégia viável, mas tudo pode acontecer e se surgirem alguns imprevistos que me impeçam de seguir o ~cronograma~, não tem problema. Posso sempre retomar quando sentir vontade. Assim que concluir a lista acima, atualizarei o projeto e publicarei a lista da 2ª etapa (isso deve acontecer lá para julho do ano que vem!). O importante é ter paciência, não perder o foco e, claro, me divertir lendo e compartilhando essas leituras com quem estiver interessado. Aliás, estão todos mais que convidados para brincar de detetive comigo e Poirot. 😁😉

Nenhum comentário